Desmatamento na Amazônia Legal

Desmatamento na Amazônia aumenta 358% em um ano | Imagem: Wilson Dias/ Agência Brasil

Os dados e análises apresentados em nossos gráficos e mapas sobre desmatamento são oriundos do projeto PRODES, que realiza o monitoramento por satélites do desmatamento na Amazônia Legal desde 1988. As taxas anuais de desmatamento na região calculadas pelo PRODES têm amplo reconhecimento, tanto pela comunidade científica nacional e internacional, como pela sociedade civil. Os dados são subsidio para o acompanhamento do Plano de Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal, coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente.

As análises do PRODES observam a supressão de formações florestais na Amazônia Legal através do corte raso da floresta. Não estão incluídas nestas análises formações não florestais, motivo pelo qual abrange áreas florestadas de cerrado na Amazônia, ao mesmo tempo em que não mapeia os encraves de cerrado não florestados dentro deste bioma.

Escala: Imagem temática classificada segundo legenda do projeto Prodes Digital na representação matricial (resolução 60m x 60m expressa em grau decimal). Este dado foi constituído a partir da união de todas as cenas individuais classificadas que compõem o estado da Amazônia em um único mapa temático.

Última atualização: outubro 2015, com dados acumulados desde o ano 1997.


Fonte: Projeto Prodes Monitoramento da Floresta Amazônica Brasileira por Satélites do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), vinculado ao Ministério de Ciências e Tecnologia (MCT).



Os dados do Sistema de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal do PRODES foram licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição - Compartilha Igual 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em www.dpi.inpe.br