Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba

Área habitada por Ticuna.

1

Povos

275

População na TI

20 mil

Area (ha)

40

Notícias

Situação jurídica HOMOLOGADA. REG CRI E SPU.
Jurisdição Legal Amazônia Legal
Estados (UF) AM
Presença de isolados? Não
Faixa de fronteira? Sim
Sobreposições 0

Mapa

Municípios

Municípios com incidência nesta Terra Indígena

Municípios - Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba

# Estados (UF) Município Área do município Área incidente (%)
1 AM Amaturá 475.410,90
0,11 %
2 AM São Paulo de Olivença 1.965.850,20
1,04 %

Direitos Territoriais

Situação oficial de reconhecimento: HOMOLOGADA. REG CRI E SPU. (Decreto s/n - 28/10/2004)

Descubra qual é o estado de reconhecimento oficial desta terra.

1 - Em Identificação
2 - Identificada
3 - Declarada
4 - Homologada e/ou Registrada no CRI e/ou SPU
100% Concluído

HOMOLOGADA. REG CRI E SPU. por Decreto s/n - 28/10/2004

Histórico jurídico

Fique por dentro do histórico jurídico desta Terra Indígena

Atos Normativos Relacionados - Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba

Document Estágio Número Data Publication
Portaria EM IDENTIFICAÇÃO. 579 09/06/1998 12/06/1998
Despacho IDENTIFICADA/APROVADA/FUNAI. SUJEITA A CONTESTAC. 06/10/2000 09/06/2000
Portaria DECLARADA. 1.010 06/11/2001 07/11/2001
Portaria DECLARADA. 160 08/12/2003 18/12/2003
Portaria DECLARADA. 47 14/01/2004 27/01/2004
Decreto HOMOLOGADA. REG CRI E SPU. s/n 27/10/2004 28/10/2004
A IDENTIFICAR. 31/12/1993

Povos e Demografia

De acordo com informações recentes 275 pessoas vivem nesta TI.

Povos Liguistic family Language
Ticuna Tikuna Tikúna
Ano População na Terra Indígena Fonte
2011 275 Funai/Alto Solimões
1998 180 GT/Funai

Ambiente

Fitofisionomia

Tipo de Cobertura Vegetal Cobertura (%)
Floresta Ombrófila Densa 100,00

Bacias Hidrográficas

Bacia Abrangência (%)
Jutai 100,00

Biomas

Bioma Cobertura (%)
Amazônia 100,00

Gestão

Distribuição da presença do Estado através da Funai e Sesai

Fundação Nacional do Índio (FUNAI) Secretaria Especial de Saúde Indígena
Coordenação Regional (CR) Distrito Sanitário Indígena
Alto Solimões Abrangência Alto Rio Solimões (AM) Abrangência

Organizações Indígenas

Existem 1 Indigenous Organization na região

Nome Sigla
Associação das Mulheres Ticuna AMIT

Projetos com participação indígena

Não há registros de projetos para Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba.

Pressões e ameaças

Ameaças ao ambiente e aos povos indígenas vivendo nesta Terra Indígena - Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba.

Riscos potenciais e problemas existentes

Category Type
Exploração de Recursos Madeireiro
Exploração de Recursos Garimpeiro
Exploração de Recursos Pescador
Fundiário Posseiro

Desmatamento na Amazônia Legal

Este tema apresenta a análise do desmatamento feita pelo Projeto Monitoramento da Floresta Amazônica Brasileira por Satélite (PRODES) pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). As análises do PRODES observam a supressão de formações florestais na Amazônia Legal através do corte raso da floresta.


Desmatamento total até o ano 2000: 317 hectares
Desmatamento total até 2017: 481 hectares

Focos de Calor

Um foco de calor no gráfico ou em nosso mapa indica a possibilidade de fogo em um elemento de resolução da imagem (pixel), que varia de 1 km x 1 km até 5 km x 4 km. Neste pixel pode haver uma ou várias queimadas distintas, mas a indicação será de um único foco. Se uma queimada for muito extensa, será detectada em alguns pixeis vizinhos, ou seja, vários focos estarão associados a uma única grande queimada.

Sobreposições

Não existem sobreposições desta Terra Indígena com Unidades de Conservação.

Notícias

Total de 40 notícias sobre a Terra Indígena Nova Esperança do Rio Jandiatuba na base de dados RSS

Ver todas as notícias desta área protegida

 

As notícias publicadas neste site são pesquisadas diariamente em diferentes fontes e transcritas tal qual apresentadas em seu canal de origem. O Instituto Socioambiental não se responsabiliza pelas opiniões ou erros publicados nestes textos. Caso você encontre alguma inconsistência nas notícias, por favor, entre em contato diretamente com a fonte.